Rota Romântica: Augsburgo, umas das cidades mais antigas da Alemanha

Augsburgo: a cidade da Rota Romântica mais próxima de Munique

Augsburgo é uma das 28 cidades lindas da Rota Romântica na Alemanha e a terceira maior cidade do estado da Baviera, após Munique e Nuremberg, com cerca de 290.000 habitantes.

É a segunda cidade mais antiga da Alemanha e a mais antiga da Baviera, fundada no século 15 a.C. pelos romanos, durante o reinado do Imperador Otávio Augusto.

Augsburgo-Brasao-Wappen

Augsburgo fica a menos de uma hora de trem ou de carro de Munique. É uma boa opção para um bate-volta, já que a cidade dista menos de 70 km de Munique.

Para uma rota de cidadezinhas medievais, Ausgburgo tem ar de cidade grande e moderna.Tem uma grande área industrial nos seus arredores, construções modernas e o trem de superfície (Tram, o bonde) integrado no seu sistema de transporte público.

A nível cultural, Augsburgo tem muito a oferecer e se você quiser conhecer a maioria das atrações, um dia não é suficiente. Para quem está fazendo a Rota Romântica, vale a pena uma pernoite na cidade.

Por ser uma cidade maior, possui uma variedade enorme de cafés, restaurantes, lojas e uma vida noturna maior quando comparada as demais cidades da Rota Romântica.

Separei as atrações da cidade que mais me encantaram e recomendo em uma visita de um dia, valendo tanto para quem está fazendo a Rota Romântica ou um bate-volta a partir de Munique (ou alguma cidade próxima).

Salão dourado da Prefeitura – Der goldene Saal

Localizado no coração de Augsburgo, o prédio da prefeitura, Rathaus, é a atração mais visitada da cidade. Uma obra do renascentismo alemão, construída entre 1615 e 1620 por Elias Holl, tem um dos salões mais emblemáticos de instuições de governo da Alemanha, o salão dourado.

Augsburgo-Rathaus-Elias-Holl

O salão é aberto a visitação e digno de você passar um tempo observando cada detalhe, com informações oferecidas no local. A entrada custa 2,50 euros e é adquirida no centro de informações turísticas da cidade (endereço: Rathausplatz 1), próximo à Prefeitura. Augsburgo-Goldener-Saal

O salão fica no terceiro andar do prédio e há elevador para acesso 😉

Endereço: Rathausplatz 2 

Horário de funcionamento: aberto diariamente, das 10h às 18h 

Mais informações do local no site oficial da prefeitura de Augsburgo

Fuggerei e seu bunker

O simpático conjunto de casinhas amarelas é o local de moradia social mais antigo do mundo ainda existente, fundado em 1521 por Jakob Fugger.

Augsburgo-Fuggerei-DicasAlém de você vivenciar o cotidiano e a história no local, há dois pequenos museus no local: um antigo bunker da segunda guerra mundial, rico em informações desta época e contando sobre o papel de Augsburgo neste contexto, e um apartamento modelo do complexo, elucidando através de imagens a história do Fuggerei.

Augsburgo-Fuggerei-Bunker

Para conhecer a história detalhada do local, é possível fazer um tour guiado, com duração de cerca de 45 minutos. O valor da entrada no local é 4 euros (valor de 2018).

Endereço: Jakoberstraße 26

Horário de funcionamento: aberto diariamente, das 9h às 18h

Mais informações do local no site oficial do Fuggerei

Catedral de Augsburgo

Fundada no século XII, a grandiosa Catedral de Augsburgo mistura o estilo arquitetônico românico com o gótico, sendo uma das atrações mais importante da cidade.

Do lado de fora da Catedral, há as marcações da antiga locação da igreja que existia no local.

Augsburgo-Catedral-DomNo seu interior há muitos detalhes a serem apreciados 😉 Senti falta de um tour guiado para conhecer mais sobre tudo que estava diante dos meus olhos!

Augsburgo-Catedral-Interior

Fronhof e Hofgarten

Uma visita que uni sair do óbvio da cidade. Ambas as atrações ficam praticamente ao lado da Catedral.

O Fronhof é o antiga residência dos bispos de Augsburgo e hoje funciona como sede o governo de Schwaben – uma das regiões administrativas da Baviera. Augsburgo-Fronhof-Residenz

Um lugar lindo para fotografar e com muito espaço verde, ótimo pra quem está viajando com crianças e sair um pouco do meio urbano com elas 😉 Bem ao lado fica o antigo Jardim da Corte, o Hofgarten, onde você irá observar os locais curtindo um dia de tempo bom, além de admirar toda a sua beleza.

Augsburgo-Hofgarten-Fronhof

No jardim do Fronhof há uma homenagem a Leopold Mozart e ao seu filho Wolfgang Amadeus Mozart. O pai de Mozart nasceu em Augsburgo.

Praça da Prefeitura – Rathausplatz e ruas do centro histórico

A praça da Prefeitura é o coração de Augsburgo, onde tudo acontece. Cheia de café e restaurantes, é um ótimo lugar para, em um dia de tempo bom, tomar uma bebida ao ar livre observando o movimento da cidade e as construções no seu arredor, dentre elas a Prefeitura e a Torre Perlachturm (que está sem visitação no momento).

É nesta praça que fica a fonte em homenagem ao Imperador romano Otávio Augusto, a Augustusbrunnen.

Augsburgo-Rathausplatz-Perlachturm

Próximo a esta praça fica uma das ruas mais famosas da cidade, a rua Maximillianstraße, por onde passava a antiga rota romana que no passado ligava a Alemanha à Itália. Nela também fica o palácio no estilo rococó Schaezlerpalais, que infelizmente não consegui visitar e acredito que vale muito a pena pelo que pesquisei, além de diversas lojas e restaurantes.

Augsburgo-Maximilianstrasse

Igreja de Santa Anna

Um antigo monastério carmelita datado do ano de 1321 que em 1545 passou a uma igreja protestante.

Augsburgo-Igreja-Santa-AnnaMartin Lutero esteve duas vezes em Augsburgo. Em função disso, nesta igreja há um museu chamado Lutherstiege, onde através de uma exposição de imagens mostra o caminho de Lutero até a sua passagem em Augsburgo e toda a sua influência na região. A entrada tanto na igreja quanto no museu é gratuita 😉

É na igreja de St. Anna que está enterrado Jakob Fugger, em uma capela que leva o seu nome, a Fuggerkapelle.

Estas foram as atrações da cidade que recomendo para a visita a Augsburgo em um dia. Tendo mais tempo na cidade, visitar o interior do palácio Schaezlerpalais e o Museu Romano (Römisches Museum) são boas indicações.

Leia também aqui no blog os posts sobre as cidades da rota 😉

Rota Romântica na Alemanha: dicas

Würzburg: dicas da primeira cidade da rota romântica sentido Alpes

Rota Romântica: um dia em Rothenburg

Dinkelsbühl: uma jóia na Rota Romântica

Rota Romântica: Landsberg am Lech

Castelo Neuschwanstein: como visitar e todas as dicas para um dia de encanto

Fontes de informações deste post:

Material recebido no centro de informações turísticas de Augsburgo | Site oficial do Fuggerei | Site oficial da Igreja St. Anna

Procurando hospedagem em Augsburgo? Reserve no Booking e colabore com o nosso blog, sem nenhum custo adicional pra você viajante e aproveitando as melhores ofertas de preços.

Reserve-Booking

Pesquisando aluguel de carro para a sua viagem? Reserve aqui conosco pela Rentcars garantindo as melhores condições do mercado e colabore com o nosso blog sem custos adicionais.

1482406000

Um beijo, Camilian

Conheça o melhor de Munique com quem mora e é encantada pela cidade.

Conheça os nossos tours privativos e em português, apresentando Munique no melhor ângulo pra você!

Confira o que os nossos viajantes contam sobre suas experiências em Munique & arredores conosco em depoimentos

Tours-Destino-Munique-Guia

Podemos te ajudar? Para dúvidas deixe o seu comentário abaixo e para orçamentos escreva um e-mail pra gente!

www.destinomunique.com.br


Saiba mais
Castelos e palácios em Munique, na Alemanha, Dicas, guia brasileira em Munique

10 castelos e palácios para visitar em Munique e arredores

Garmisch-Partenkirchen temporada 2018-2019: esquiar em Hausberg e Zugspitze

Esquiar em Munique, Lenggries, Alemanha

Lenggries temporada 2018-2019: esquiar em Brauneck, bate e volta a partir de Munique

Encontro Europeu de Brasileiros Blogueiros em Madrid, VEEBB

VEEBB: como foi o encontro da blogosfera brasileira na Europa em 2018

Tours mercados de natal em português e privativos Destino Munique

Mercados de Natal no sul da Alemanha – Baviera 2018

Palácio Dachau, Schloss Dachau, Dicas, Alemanha, Baviera, Munique

Palácio Dachau: saindo da rota turística


Comentários