Eslovênia: Bled e parque nacional Triglav

Última atualização em 29 de maio de 2019 by Destino Munique

Bled e Bohinj: o paraíso dos Alpes Julianos

No primeiro post da Eslovênia, com as dicas de Liubliana, falei que valia a pena dormir uma noite em Bled. Agora vocês entenderão o por quê. 🙂

A Eslovênia é um país onde a natureza se faz presente por todos os lados, é muito verde, montanhas e paisagens que você acha que só vê nas imagens do Google rs. A segunda parte da nossa trip foi dedicada a explorar, dentro do tempo que tínhamos, as paisagens naturais deste lindo país e aproveitar o verão na Europa.  As cidades escolhidas foram Bohinj, que fica dentro do parque nacional Triglav e Bled, coladinha neste parque.

Bohinj e o parque Nacional Triglav

O Parque Nacional Triglav  é a reserva ecológica mais antiga da Europa, ocupando que 3% da área do país. Nele fica a montanha mais alta da Eslovênia, o monte Triglav, com 2.864 m de altitude.

A extensa região do parque é perfeita para o ecoturismo e prática de diversas modalidades de esporte, tanto nas estações mais quentes quanto no inverno, quando o cenário montanhoso se transforma com muita neve e pistas de esqui. O local oferece uma ótima infra estrutura para estas atividades e preços bem mais em conta.

Eslovenia-Bohinj-Dicas

Nós visitamos Bohinj, que possui um lago – o lago Bohinj, uma das paisagens mais bonitas da nossa viagem: um lago enorme cercado pelas montanhas, e muito verde. O mais legal foi estar dentro dele e observar o que nos cercava. Pegamos um dia de muito calor e ele é ótimo para tomar banho (temperatura da água por volta dos 20 graus no verão). No local você pode alugar kaiak, SUP, pequenos botes ou simplesmente nadar. Uma dica: na alta temporada é difícil estacionar perto do lago, porém há uma pequena ponte que o atravessa, ao lado da igrejinha cartão postal da cidade, que dá acesso a uma estrada onde logo no começo tem um estacionamento enorme. Fica a uns 5 minutos de caminhada para o lago.

Eslovenia-Bohinj-Dicas-1

Eslovenia-Bohinj-Dicas-3

Eslovenia-Bohinj-Sup

Na mesma região, visitamos uma cachoeira dentro do parque, chamada Savica, uma das mais importante do país, com 78 metros de queda d´água (não é permitido tomar banho) e responsável pela água do lago Bohinj. Para visitá-la, você precisa pagar 3 euros para ter acesso ao parque, fica a cerca de 30 minutos de caminhada a partir do lago, porém há estacionamento próximo do local, assim como restaurante.

Eslovenia-Savica-Bohinj

Bohinj fica a cerca de 30 km de Bled. Fizemos o deslocamento de carro.

Bled

A pequena Bled é uma cidade encantadora, com pouco mais de 8.000 habitantes, famosa pelo seu enorme lago glacial – o lago Bled – que arranca suspiros de muitos viajantes pois é literalmente um cartão postal perfeito, mix de natureza e construções antigas – uma igreja em uma ilha e um castelo em um penhasco, que harmonizam com a natureza. Além disso, Bled é cercada pelos Alpes, ao ladinho do começo do parque nacional Triglav.

Eslovenia-Bled-Dicas

Bled fica a 53 km da capital Liubliana. Nós fizemos este deslocamento de carro.

Rentcars-Malta

Dá para ir de ônibus, trem ou até mesmo em excursões bate e volta.

Bled é uma cidade bem pequena, com praticamente uma rua principal, que fica na beira do lago, com tráfego intenso de carros nos finais de semana e durante o período de férias/feriados aqui na Europa. Assim como Liubliana, é ideal procurar hotel com um pouco de antecedência, caso você queira ficar hospedado bem próximo ao lago. Muitas pessoas pessoas se hospedam nas cidades próximas, que pra nós brasileiros, é como se estivéssemos mudando de bairro e não de cidade, pois são pequenos vilarejos. Nós nos hospedamos em uma pousadinha bem fofa em uma área bem rural, chamada Hrominc Guest House, cerca de 20 minutos a pé do lago (foto a seguir da nossa vista da janela).

Eslovenia-Bled-Hotel

As grandes atrações da cidade são o castelo de Bled e a ilha de Bled – a única ilha natural da Eslovênia, onde fica a igreja da Nossa Senhora da Assunção, padroeira da cidade.

O Blejski Grad, castelo de Bled em esloveno, é o castelo mais antigo da Eslovênia, uma mistura de arquitetura românica com fortaleza medieval. O seu primeiro registro na história foi no ano de 1004, um documento onde um rei alemão passava a sua propriedade para os bispos de uma cidade chamada Brixen, no norte da Itália, que de fato nunca residiram lá e resolveram alugar (arrendar naquela época) o castelo. A partir daí uma sucessão de diferentes famílias nobres viveram por lá, até as tropas Napoleônicas ocuparam o local, até que em 1947 um incêndio destruiu grande parte do telhado do castelo e por 10 anos obras de recuperação foram feitas, até que em 1961 o castelo assumiu a carinha que tem os dias de hoje, preservando ao máximo o estilo arquitetônico externo, já que devido a esta constante mudança de moradores, elementos de decoração e mobília também foram constantemente trocados.

Eslovenia-castelo-Bled

Do alto do castelo se tem uma vista panorâmica incrível da cidade, além de um restaurante super agradável. Para informações sobre valores e horário de funcionamento para uma visita, visite o site oficial.

Eslovenia-Castelo-Bled-1

Eslovenia-Bled-Vista-Castelo

A ilha de Bled pode ser visitada durante o ano todo, inclusive no inverno, quando o lago congela e as pessoas fazem a travessia andando. Isso mesmo, andando sob o lago congelado! Como fomos no verão, fizemos a travessia de barco – o Pletna, onde cada um tem o nome de uma mulher, conduzidos por membros de uma mesma família. A travessia tem o valor de 14 euros (ida e volta). É salgadinho, mas é um must try. Diveras pessoas atravessam nadando ou de SUP no verão, quando a temperatura da água do lago é agradável.

Eslovenia-Bled-Dicas-Pletna

Eslovenia-Bled-Pletna-Dicas

Há diferentes pontos de embarque. Nós embarcamos no pequeno porto que fica em frente ao Hotel Vila Bled, antiga residência do presidente da antiga Iugoslávia , que por convite da secretaria de turismo da cidade, tivemos a oportunidade de conhecê-lo. É um local belíssimo para se hospedar. A antiga residência possui um salão de conferência belíssimo, com pinturas do exército da antiga Iugoslávia lutando na segunda Guerra Mundial.

Eslovenia-Vila-Bled

Eslovenia-Vila-Bled-Pier

Na ilha de Bled fica a igrejinha de Nossa Senhora da Assunção, cuja entrada custa 6 euros/pessoa. A tradição diz que quem tocar o sino da igreja três vezes, voltará ao local.

Eslovenia-Bled-Igreja

No final de semana que passamos por lá estava acontecendo o festival gastronômico Bled Taste, na beira do lago, numa área chamada Promenade, logo na noite que dormimos lá não fomos a nenhum restaurante, ficamos neste festival bem delicioso.

Vintgar

Ao lado de Bled fica uma cidadezinha ainda menor chamada Podhom, onde fica uma das formações naturais mais bonitas do país, o desfiladeiro Vintgar, onde um rio chamado Radovna, traçou um caminho fantástico de 1,6 km entre as montanhas.

Eslovenia-Vintgar-Dicas-1

A cor da água é impressionante, um tom de verde inexplicável de tão bonito. A entrada a esta reserva ecológica custa 4 euros/pessoa (preço de 2016), vale muito a pena.

Eslovenia-Vintgar-Dicas

Estes passeios foram feitos em dois dias: no primeiro dia visitamos Bohinj e Vintgar, voltando no final do dia para Bled, e no dia seguinte conhecemos Bled.

Eslovenia-Vintgar-Dicas-2

Agradecemos aqui em especial Sra. Maja Lakota, responsável pelo centro de informações turísticas de Bled, pelo agradável encontro, informações preciosas e material sobre a cidade, fonte deste post, além da cortesia ao Castelo de Bled.

Leia também aqui no blog mais sobre a Eslovênia 😉

Eslovênia: Caverna Postojna e Castelo de Predjama

Eslovênia: dicas de Liubliana

Planeje a sua viagem conosco!

O blog Destino Munique faz parte de programas de afiliados e usando os links a seguir, você coopera conosco SEM nenhum custo adicional na sua viagem, conseguindo ótimos preços e até mesmo descontos.

Hospedagem em Bled: reserve no Booking.com e aproveite as melhores ofertas de preços!

Seguro Viagem: garanta 5% de desconto na Seguros Promo usando o código DESTINOMUNIQUE5. Lembre-se: seguro viagem é OBRIGATÓRIO na Europa!

Aluguel de carro: alugue o seu carro na Rentcars garantindo as melhores formas de pagamento do mercado!

Chip de internet: fique sempre online com a Viaje Conectado, com uma cobertura excelente em toda Europa.

Tickets antecipados para atrações: Através da GetYourGuide você garante visitar as principais atrações no dia desejado na sua viagem, sem perder tempo com filas, além de passeios exclusivos.

Um beijo, Camilian


Saiba mais
Innsbruck, Austria, Dicas, Bate e volta de Munique

Innsbruck: bate-volta a partir de Munique

Ilha Mainau, a ilha das flores na Alemanha

Ilha Mainau, a ilha das flores no Lago Constança

Malta com crianças, dicas, verão europeu

Malta no verão com crianças: dicas para um super roteiro!

Encontro Europeu de Brasileiros Blogueiros em Madrid, VEEBB

VEEBB: como foi o encontro da blogosfera brasileira na Europa em 2018

Augsburgo, dicas, Rota Romântica, Augsburg, Guia brasileira na Alemanha

Rota Romântica: Augsburgo, umas das cidades mais antigas da Alemanha

Dicas de Barcelona com crianças e bebês

Barcelona com bebês e crianças pequenas: dicas


Comentários